Blowjob

Operação da PF mira em esquema de desvios de recursos públicos na Casa Militar de PE

Operação da PF mira em esquema de desvios de recursos públicos na Casa Militar de PE

Foto: Divulgação

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (9) uma operação para desarticular o esquema criminoso de desvios de recursos públicos na Secretaria da Casa Militar de Pernambuco. A Operação Torrentes investiga fraudes em licitações e corrupção de servidores públicos, além de superfaturamento em contratos. Estão sendo cumpridos 71 mandados judiciais, sendo 36 de busca e apreensão, 15 de prisão temporária e 20 de condução coercitiva em Pernambuco e no Pará. Também foi determinado o sequestro e a indisponibilidade dos bens dos principais investigados. De acordo com o Diário de Pernambuco, os recursos desviados deveriam ser usados na reestruturação dos municípios da mata-sul pernambucana que foram atingidios pelas chuvas torrenciais ocorridas em maio deste ano. Os alvos da operação podem responder pelos crimes de peculato, fraude em licitação, corrupção ativa e passiva e associação criminosa. As penas podem passar de 25 anos de reclusão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

To use BrandCaptcha you must get an API Key