O professor identificado como Edilson Teixeira Sá, 47 anos, foi encontrado morto na tarde de ontem (15) dentro da sua residência localizada na Rua João Gonçalves de Oliveira, no centro da cidade de Jeremoabo-BA. Vizinhos contaram que sentiram um mau cheiro vindo da casa do professor e acionaram a família. Ao entrarem na residência os familiares encontraram o corpo com sinais de violência e em avançado estado de decomposição.

Segundo um amigo que não quis se identificar, Edilson foi visto bebendo em um bar, no domingo (12) na companhia de outro rapaz. A suspeita é de latrocínio, roubo seguido de morte, já que a motocicleta e alguns objetos pessoais de Edilson não foram encontrados.

Nesta quinta-feira (16) por volta das 08h30, a Polícia técnica esteve no local do crime e recolheu o corpo de Edilson ao Instituto Médico Legal (IML) de Paulo Afonso, onde será realizada a necropsia para determinar a verdadeira causa da morte.

O professor Edilson lecionava na escola Municipal do Povoado Sirica, mas já trabalhou também nos Colégios São João Batista e Evaristo Cardoso Varjão. A Polícia Civil vai investigar o caso para descobrir a autoria e a motivação do crime.

Com esta sobe para quatro, o número de mortes violentas em nossa cidade só neste mês de novembro de 2017.